Seja bem-vindo
Nova Odessa,16/04/2024

  • A +
  • A -

Avião é obrigado a interromper decolagem na Bolívia após cachorros invadirem pista e serem atropelados por trem de pouso

g1.globo.com
Avião é obrigado a interromper decolagem na Bolívia após cachorros invadirem pista e serem atropelados por trem de pouso


Incidente ocorreu no final da noite de terça-feira (26) e será investigado pela autoridade de aviação civil da Bolívia. Trecho de vídeo gravado por passageira mostra desembarque de avião atingido por cães
Samantha Nogales
Uma aeronave teve que interromper a decolagem no aeroporto de La Paz, na Bolívia, depois de bater em —e atropelar— uma matilha de cachorros que havia invadido a pista.
O incidente ocorreu no final da noite de terça-feira (26), com um Boeing 737-800 da Boliviana de Aviación (Boa) que ia de La Paz para Cochabamba. Segundo a empresa, o impacto "afetou o trem de pouso e outras partes do avião".
"Ressaltamos a perícia do piloto ao controlar a aeronave em um momento crítico da operação como a decolagem", informou a Boa.
Não está claro como os cachorros conseguiram entrar na área do aeroporto e chegar à pista. Segundo o jornal "La Razón", os cães morreram com o impacto.
A deputada boliviana Samantha Nogales era uma das passageiras. Na rede social X (ex-Twitter), ela disse que a aeronave foi atingida por 12 cachorros no momento da decolagem.
"Sofremos praticamente um atentado contra a vida porque o avião teve que fazer uma frenagem seca", disse ela, que criticou a administração do aeroporto.
Nenhum passageiro ou tripulante se feriu. Os passageiros embarcaram em outra aeronave rumo a Cochabamba.
Investigação
Autoridades da Bolívia anunciam investigação após incidente com avião que atropelou cachorros
Reprodução/Diretoria Geral de Aviação Civil da Bolívia
A Direção Geral de Aviação Civil (DGAC) da Bolívia anunciou que investigará o incidente.
"É um incidente menor, mas ainda assim terá que ser investigado para detectar a causa. Estamos em processo de análise de todo o perímetro do aeroporto e, uma vez que seja encontrada a causa que ocasionou a entrada dos cães, vamos tomar as medidas corretivas para que esse tipo de evento não volte a acontecer", disse José Garcia, diretor-executivo da DGAC.
Segundo ele, o sistema elétrico da aeronave foi danificado pelo impacto.
Initial plugin text




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.